100 intérpretes para a ‘Misa Criolla’ dia 4 de Outubro

Publicidade

Sábado, 4 de Outubro, às 19h00, nas Ruínas do Convento do Carmo, em Lisboa, os coros Polyphonia Schola Cantorum, Coral Allegro e Coral Encontro juntam-se a um grupo instrumental e aos tenores João Barros e Pedro Cachado. Sob a direcção do maestro Sérgio Fontão, 100 cantores e instrumentistas interpretarão a Misa Criolla (Missa Crioula), do compositor argentino Ariel Ramírez, obra fundamental da música das últimas décadas.

Há precisamente 50 anos, o conterrâneo do Papa Francisco escreveu a Misa Criolla. Herdeira da tradição musical europeia, esta Missa distingue-se, no entanto, por ser cantada em língua espanhola e incorporar elementos da música tradicional sul-americana. Desde a sua criação, a Misa Criolla já foi apresentada milhares de vezes nos cinco continentes, tendo sido cantada por artistas de primeiro plano como José Carreras ou Mercedes Sosa, por exemplo. A gravação original, realizada em 1964, vendeu já mais de 60 milhões de discos em todo o mundo.
Sábado, 4 de Outubro, às 19h00
Lisboa, Ruínas do Carmo
Entrada livre
Coral Allegro
Coral Encontro
Polyphonia Schola Cantorum
João Barros, tenor
Pedro Cachado, tenor
Gian Lima, piano
Miguel Almeida, guitarras
Tatiana Almeida, percussão
Sérgio Fontão, direcção
Ariel Ramírez (1921-2010)
Misa Criolla